Jovem que lutava contra o câncer morre em Araguaína; família havia cortado cabelos para apoiá-la

(1) Comentários

https://jft.news/59vOP

Jovem que lutava contra o câncer morre em Araguaína; família havia cortado cabelos para apoiá-la
Foto: Arquivo Pessoal

Compartilhe


A assistente administrativo Layla Fernanda Sousa Alves, de 20 anos, morreu neste sábado (18) em Araguaína. A jovem lutava contra um câncer de mama e a história dela se tornou conhecida no Tocantins em julho do ano passado. Cerca de 50 amigos e parentes decidiram cortar os cabelos para apoiar Layla durante o tratamento.

A doença foi descoberta logo depois que a jovem tinha dado à luz e ainda estava amamentando. Era a primeira filha dela com o marido. Na época em que o corte coletivo foi feito, ela disse que o amor da família e dos amigos era o que a motivava a se dedicar ao tratamento.

O amor ajuda muito no meu tratamento, é isso que me fortalece a cada dia mais, ver que eles estão todos os dias do meu lado, me passando essa força” comentou na época a jovem.

Ainda não foram divulgadas informações sobre o velório e o enterro. Nas redes sociais, vários amigos lamentaram a perda e destacaram a trajetória de luta de Layla.

Fonte: G1/TO

Tags : Layla, câncer, mama, Araguaína, jovem, família.

Ao clicar em "comentar", você declara que leu, entendeu e concorda com nossos termos de uso e política de privacidade.

Subir para o topo